Arquivo para maio \23\UTC 2009

Post Fênix: documentos enviados

Docs_Enviados

Prezados desgarrados leitores deste blog morto, quase esquecido e enterrado.

Antes de mais nada, perdão a vocês dois (se é que o número de leitores ainda chega a esse número). Mas estou meio que naquela fase de que o processo está parado, mas a vida não.

O fato é que finalmente mandamos os documentos. Digo finalmente porque, segundo o e-Cas, eles começaram a analisar nosso processo em 23 de janeiro de 2008, recebemos em 10 de julho do mesmo ano o email solicitando o envio da documentação, mas só enviamos tudo em 17 de fevereiro de 2009.  Ou seja, levamos 7 meses para fazer isso.

Uma série de fatores nos fizeram atrasar tanto o envio. Mas acho que os principais foram as cartas de recomendação e uma certa displicência minha mesmo, devo admitir. Com relação às cartas, na verdade foi por conta de uma agência em que trabalhei sem carteira assinada. Daí, o dono ficou me enrolado com medo que eu fosse colocá-lo na justiça e tal. Coitado, imagina se eu, doido pra ir embora pro Canadá, ia me enrolar em processo na justiça. Mas enfim, recebi, mandei e agora estamos na famosa fase da espera. Pois é, acho que somos o último casal pré-mudanças do processo e que ainda não tinha enviado os documentos. Mas a demora começou muito antes.

O fato é que comecei “errado” já com relação ao IELTS. Porque decidi dar entrada no processo somente depois que tivesse “passado” no IELTS. Tinha muito medo que o consulado me pedisse os resultados antes que eu os tivesse. Quero dizer, caso eu não conseguisse a nota no IELTS, tinha medo de tentar de novo, falhar novamente e nesse tempo, acabasse o prazo de 4 meses que eles nos dão para envio. Hoje, vejo que foi a maior besteira, já que ficou provado no meu caso que não teria problema algum. Além disso, a demora no envio quase que invalida meu IELTS, já que o consulado só o considera válido por 1 ano (embora o British Council diga que o resultado vale por 2 anos). Mas através de um email à Maria João ela me disse que como já tínhamos iniciado o processo, eles aceitariam os resultados mesmo assim. Já lamentei muito por toda essa demora porque vejo pessoas que fizeram a prova comigo na mesma época, mas que deram entrada antes, que já estão na fase do envio dos exames médicos.

Mas, acredito muito naquela história de que as coisas acontecem na hora certa (por mais clichê de auto-ajuda que isso seja). E hoje vejo que está fazendo sentido. Quero dizer, com essa crise lá fora, a demora natural no processo daqui pra frente vai ser bom pras coisas melhorarem por lá e também pra gente quitar umas coisas que ainda temos que pagar aqui, juntar mais dinheiro e estudar mais inglês.

Desculpem o post enorme, mas não escrevia desde fevereiro.

Abraços a vocês (não sei porque escrevo isso no plural, já que depois de tanto tempo sem postar por aqui, só você deve estar lendo isso 🙂 )


Canadian life

Quem somos

Tiquinho

Casal cearense com um filho daschund rumo ao Canadá, em busca de mais segurança, qualidade de vida e esquilos pra perseguir. :D

Siga Suando Frio via Twitter

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.